30 pontos turísticos em 12 dias – Dica do leitor

Ahá! Então você fica se achando porque conheceu Buenos Aires toda durante a sua viagem? Pois então você precisa ler o relato da Débora. Acredite se quiser, ela conheceu 30 pontos turísticos em 12 dias de viagem! Essa façanha não é para qualquer um, viu? Exige muita pesquisa e planejamento, e para isso você pode contar com o Aires Buenos Blog!

Se você está bem perdido e não sabe o que conhecer quando estiver de passeio pela capital portenha, você precisa do Guia Básico: 4 dias em Buenos Aires. Além dele, temos o Guia Lado B dos pontos turísticos de Buenos Aires, que vai te conduzir a ótimos passeios que não estão tão manjados pelos turistas.

30 pontos turísticos em 12 dias – Dica do leitor

dica_do_leitor_1

Hola, que tal? Essa foi minha segunda viagem a Argentina, e antes mesmo de conhecer esse país eu já tinha um caso de amor com ele. Em 2014 fui em agosto e conheci um pouco da capital da Província de Buenos Aires, La Plata (indico essa cidade e lá conhecer o Republica de los Niños, lindinho demais) e Tigre, gostei do passeio de barco mas não tive tempo pra conhecer outros lugares. Eu não gosto muito do inverno, mas foram dias incríveis, e como não tive muito tempo de conhecer a capital, tive que voltar. E ano passado minha viagem foi em outubro, entre os dias 16 a 28, o clima estava agradável.

Sou de Curitiba e não há voos direto para desembarcar pelo Aeroparque, então o jeito foi Ezeiza mesmo. Pra ir pro hotel fui de ônibus executivo  (Tienda León) até o terminal Madero, e minha intenção era pegar um remis no próprio terminal do Tienda León até o hotel, mesmo querendo pagar não quiseram fazer a corrida pra mim (em 2014 fizeram), e me convenceram ir de subte pra economizar, vai entender neah! Bom como eu já tinha o SUBE, resolvi arriscar mesmo sendo hora do rush, mas deu tudo certo.

Fiquei hospedada em Almagro, no San Carlos Hotel (simples e agradável), perto de estação de metrô, com parada de ônibus quase na frente e perto da tradicional Confíteria Las Violetas, que tem um atendimento muito bom, comida excelente, tanto para almoço como para cafés. Eu prefiro não incluir café da manhã na estadia do hotel, assim posso conhecer uma confeitaria por dia, haha!

Usei táxi duas vezes, em um dos dias da minha estadia e outra pra ir pro aeroporto, os outros dias usei e abusei de ônibus, metrô e muita, mas muita caminhada. Conheci 30 pontos turísticos e, com tudo o que já tinha lido aqui no Blog Aires Buenos, me organizei “muy bien” e foi tudo perfeito. Também contei com a ajuda de amigos que moram na capital e na província de Buenos Aires.

dica_do_leitor_2

Vou listar aqui os lugares que mais gostei, não desmerecendo os outros:

Rosedal: eu fui em 2014, mas no inverso não há rosas. Esse parque é um sonho, fiquei muito tempo por ali, e cada vez que eu pensava “vou embora”, eu resolvia ficar um pouquinho mais.

Puerto Madero: o pôr do sol nesse lugar é obrigatório gente! Delícia demais, no dia que eu fui o vento era forte e o friozinho agradável.

Museu Evita: só fiquei chateada porque não pode tirar fotos, mas é riquíssimo em detalhes sobre a história dessa mulher, que na verdade admiro muito.

– Cabildo: tive a sorte de chegar uns minutos antes da visita guiada e pude entender melhor o significado desse museu, super amei.

dica_do_leitor_3

– Congresso Nacional: palácio maravishoso! Na verdade eu esperava mais dessa visita, mas só de poder entrar nesse lugar já foi estupendo, a decoração, as portas, o piso… Pudemos conhecer a biblioteca e eu fiquei perplexa diante daquela estrutura.

– Pasaje Lanín: realmente encanta, uma fachada mais linda que a outra, só não pude conhecer o artista Marino Santa Maria, mas valeu e muito, tentei conversar com uma moradora, mas ela não me deu confiança, jeje!

– Boulangerie Fraunk Dauffois: padaria francesa. Entrar, comprar umas delicias, atravessar a rua, entar no Parque Centenário, sentar na beira do lago e desfrutar. Várias vezes pensei em voltar e fazer isso, mas infelizmente não tive tempo. A dica é da Amanda Mormito do Buenos Aires para Chicas, ela não escreve mais , mas o blog ainda existe.

-Parque de La Memória: parada obrigatória, na verdade toda a costanera norte é incrível. O pôr do sol nesse lugar é uma delícia, fomos caminhando até ao Club de los Pescadores, mas já estava fechado, só pudemos tirar fotos da fachada, mas já valeu.

dica_do_leitor_4

Gostaria de falar um pouquinho de cada lugar que estive e o que senti, mas daí já seria um livro. Umas das coisas que mais gostei de fazer foi caminhar tomando sorvete, uma sorveteria mais delicinha que a outra e as ruas são lindas, San Telmo é muito interessante e Recoleta é o Recolove como fala a Roberta do: Roberta de Passeio, que também tem dicas ótimas.

Com relação aos valores, senti que em 2015 a cidade ficou um pouco mais cara sim, mas acho que isso é geral, Buenos Aires continua sendo um ótimo destino, e tudo depende da pessoa, e que tipo de viagem está querendo. Essa cidade é infinita e em cada “rinconcito” podemos encontrar uma novidade.

Com relação ao câmbio, fiz  com um pessoal que estão na Calle Florida, são brasileiros. A dica que eu dou é essa: procurar o cambio paralelo e levar a caneta detect Money. Na época consegui cambio a $ 4,03.

Observação importante do blog: A Carol viajou antes da chegada do presidente Macri, que acabou com a restrição de compra de moeda pelos argentinos, abrindo o mercado de câmbio na cidade. O melhor atualmente é trocar em casas de câmbio legalizadas. Veja nossa lista de Casas de câmbio de Buenos Aires.

Mas enfim, pra mim Buenos Aires é apaixonante, alguns lugares que estavam no meu roteiro eu não tive tempo pra conhecer, e só posso dizer que com certeza voltarei!

Custo total da viagem: R$ 2.660,00

Passagem: R$ 693,00

dica_do_leitor_5

Que viagem mais gostosa Débora! Você conheceu lugares fantásticos e conseguiu gastar pouco no total. Nessas horas andar de transporte público faz mesmo muita diferença! E que demais que você conheceu a Pasaje Lanín. Esse local realmente deveria ser mais valorizado pelos turistas, é simplesmente lindo.

Para quem quer ler outras dicas de brasileiros em Buenos Aires, visite a categoria DICA DO LEITOR.

E queremos saber como foi a sua viagem! Mande uma dica que você ache interessante para airesbuenosblog@gmail.com, e não esqueça de junto e enviar umas fotinhos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curtiu? Comente aí!