arbus aeroparque

Aeroparque não terá voos internacionais a partir de 2018

Péssima notícia para o turista. Segundo o Clarín e a Telam, agência de notícias estatal argentina, o aeroporto Aeroparque deixará de operar voos internacionais a partir de 2018.

Segundo a mídia argentina a decisão está tomada, só falta assinar mesmo. O que falta também são os detalhes de como isso será implementado.

Aeroparque não terá voos internacionais a partir de 2018

aeroparque buenos aires

A razão para essa mudança radical é dar uma capacidade operativa maior ao Aeroparque, já que muitas novas linhas aéreas estão planejando operar no mercado argentino em 2018. Outro problema, segundo as autoridades, é a falta de lugar para os aviões passar a noite no Aeroparque. Só falta decidir o que vão fazer com os voos para o Uruguai, que sempre saíram tradicionalmente do Aeroparque.

De verdade espero que isso seja revisto já que o Aeroparque é de longe para gente a melhor opção, já que está bem mais perto do centro de Buenos Aires que Ezeiza. Além disso é ponto central de conexões de quem toma voos do Brasil para o interior argentino. A maioria dos voos passa por Buenos Aires e aí você pega outro avião para cidades como Mendoza, Bariloche, Salta, Ushuaia e por aí vai. Se realmente os voos internacionais não operarem mais no AEP vai ser bem complicada essa conexão. O passegeiro chegaria por Ezeiza e teria que pegar um transporte até Aeroparque, ou seja, cerca de 45 minutos mínimo de viagem. Nada prático.

Amamos tanto o aeroporto que fizemos o post Por que a gente prefere o Aeroparque de Buenos Aires.

Mas o que aconteceria então com os fins dos voos internacionais ao Aeroparque?

buenos aires roteiro 4 dias

Basicamente voltaríamos a uma fase pré 2010, quando somente o aeroporto de Ezeiza operava voos internacionais. Foi o governo de Cristina Kirchner que começou a abrir o Aeroparque para os destinos internacionais, inicialmente para incentivar a estatal Aerolíneas Argentinas.

Seria uma pena se isso se concretizar já trajeto até Ezeiza é muito maior e consequentemente o preço do transporte também. A única coisa melhor lá é o free shop. Se existisse um ônibus mais barato e rápido ou até mesmo uma linha de trem saindo de Ezeiza não seria problema, mas o fato é que sair de Ezeiza para a cidade de Buenos Aires é sempre um parto. É uma vergonha que em 2017 o governo argentino não tenha e nem planeje uma opção mais moderna de transporte para lá.

Atualmente do Aeroparque saem voos somente para o Chile, Brasil e Uruguai. As linhas aéreas que operam internacionalmente lá são Aerolíneas Argentinas, Austral, Latam, Gol e Amaszonas.

O Aeroparque é o aeroporto mais antigo de Buenos Aires, inaugurado em 1947. Atualmente tem 340 voos diários, sendo 12% deles a destinos internacionais. Por ano cerca de 11,6 milhões de passageiros passam por lá, 2 milhões a mais que Ezeiza.

Vamos ficar aqui torcendo para que as autoridades voltem atrás e não tirem os voos internacionais do Aeroparque. Quem sabe habilitar um outro aeroporto na região para as novas companhias aéreas low cost seria uma melhor iddeia.

ATUALIZAÇÃO!

O colega blogueiro argentino Sir Chandler conseguiu mais informação sobre isso. Segundo comunicado oficial, a partir de abril de 2018 50% dos voos internacionais serão mudados para Ezeiza. Cada companhia deverá escolher isso e priorizar como quiser. A partir de 1º de janeiro de 2019 os outros 50% começam a ser remanejados para EZEIZA. Ou seja, só em 2019, gente! Mais info no post do Sir Chandler.

 

Leia mais posts sobre Aeroportos e Companhias Aéreas

Ezeiza ou Aeroparque, qual o melhor aeroporto de Buenos Aires.

Tudo sobre o Free Shop de Buenos Aires.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curtiu? Comente aí!