buenos aires food week 2016

Buenos Aires Food Week 2016

Chegou aquela época deliciosa do ano onde os melhores restaurantes da capital portenha se unem para a Buenos Aires Food Week.

Já fomos em todas as edições e é sempre uma ótima oportunidade de conhecer novos lugares com precinho mais camarada e provar sabores diferentes.

Como funciona a Buenos Aires Food Week 2016

buenos aires food week 2016

La Causa Nikkei, Recoleta. Foto: Buenos Aires Food Week

A Buenos Aires Food Week começa no dia 11 de abril e vai até dia 24 com a participação de 59 restaurantes. Veja a lista completa aqui.

Como todos os anos os lugares apresentam um menu fechado de 3 passos: entrada, principal e sobremesa. Esse ano o valor está 220 pesos para o almoço e 350 pesos para o jantar, sem incluir bebida nem o cubierto, que é algo como o couvert. Preste atenção que o valor da conta vai acabar sendo muito maior, só de cubierto a média é 40 pesos mais um refri outros 40. Ou seja, o almoço mesmo vai sair por baixo 300 pesos. Essa é nossa única crítica. Poderia ser mais barato, né? O lado bom é que todos os lugares que participam aceitam cartão de crédito! Algo raro aqui em Buenos Aires infelizmente.

Divida esses valores por 4 para ter mais ou menos uma ideia de quanto fica em reais. Não é tão barato assim, mas se pensamos que são restaurantes finíssimos com chefs super renomados aí a coisa muda um pouco de cara. É uma semana para a alta gastronomia, não existe nenhum restaurante parrilla na lista. Ou seja, nada de bife de chorizo! Mesmo assim achamos que é uma chance muito boa para provar aquele restaurante mais chiquezinho. Aproveite que o almoço é mais barato!

Para participar é preciso fazer a reserva no site da Buenos Aires Food Week.

Entre os vários que participam recomendamos os seguintes:

buenos aires food week 2016

Club 31, dentro do Recoleta Grand Hotel

Olaya em Palermo, comida peruana deliciosa.

Aramburu Bis, comida de autor. Falamos dele nesse post.

Sipan Palermitano, mais comida peruana num ambiente lindo.

Casa Cruz em Palermo, lugar muito intimista e comida finíssima

Green Bamboo em Palermo, comida vietnamita surpreendente.

Brasserie Petanque em San Telmo, comida francesa. Tem post sobre ele.

Obviamente tem muitos outros, 59 no total, mas esses são os que já fomos e curtimos!

E aí, pronto pra encher a pança?

Conheça os restaurantes de Buenos Aires que mais visitamos em 2015

Veja nossa lista dos 5 melhores bifes de chorizo de Buenos Aires

Leia todos nossos posts sobre Comida. Tem muitos, hein!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 comentários

  1. marcio

    Olá Túlio! Você realmente é um mestre em informações e segredos sobre Buenos Aires “hermosa y acogedora ciudad”, parabéns por tanto conhecimento.

  2. Laura Lopes

    Túlio, confesso: tenho bode do Restaurante Week pela experiência em São Paulo (não sei se em Buenos é parecido). Restaurantes caríssimos que fazem um menu meia boca para a promoção (bem mais simples do que seria o normal) e enchem de filas absurdas. Hehehehe. Mas pra quem ta afim do super gourmet e com pesos sobrando, talvez valha a pena. Parabéns pelo seu blog, muito bom! Dúvida: o Miranda (indicado em outro post) ainda tem o esquema de menú del dia? Você sabe os horários? Obrigada!

  3. Oi, Laura! Olha, pra mim o problema da Buenos Aires Food Week é outro, é que nao é barato. Todas as vezes que fui os pratos estavam ótimos, mas é tipo um pouquinho mais barato que o normal só.

    Sim, Miranda continua com menu do meio dia. Recomendo muito tb o Brandon, do mesmo dono e na quadra do lado, que tem um menu de meio dia ótimo e a meu ver mais variado. Obrigado

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *