Dicas de segurança em Buenos Aires: evite roubos, golpes e seja feliz

Buenos Aires é uma cidade relativamente segura se compararmos com qualquer grande capital brasileira, porém nos últimos tempos a coisa piorou um pouquinho.

Não é nada de preocupante para o turista, mas é preciso estar atento. A chance de você ser assaltado a mão armada em Buenos Aires é muito baixa. Aqui o turista sofre muito mais com golpes e trapaças. Os delinquentes se aproveitam de descuidos e BAM! Lá se vai uma carteira ou um telefone celular.

Certa vez fui ao consulado brasileiro aqui numa segunda-feira e me assustei. Havia uma fila enorme de brasileiros, exatamente turistas que tinham sofrido algum tipo de golpe no fim de semana. Para evitar ter que fazer fila no consulado, aqui vão algumas valiosas dicas.

Dicas de segurança em Buenos Aires

futeboleshowderock-5

Táxi

– evite tomar táxi na rua que não seja de nenhuma companhia de rádio táxi. É fácil perceber isso, todas as companhias tem um logotipo enorme nas portas traseiras do táxi. O ideal mesmo é ligar para o rádio táxi, assim as chances de você levar uma volta ou ganhar uma nota falsa é menor. Uso o Táxi Del Plata há mais de 10 anos e nunca tive problemas. Ou melhor, use aplicativos como Easy Taxi ou o próprio Uber.

– não pague a corrida com nota de 500 pesos. Há um golpe muito comum de taxistas que pegam sua nota e depois dizem que ela é falsa. Outro golpe é o cara dar troco com notas falsas, principalmente de noite quando você mal pode enxergar o dinheiro.

– Dê direções. Para evitar um taxista malandrão que quer te dar uma volta pela cidade, indique caminhos. Dê uma olhada antes e diga que avenida ele deve pegar. Por exemplo, se estiver indo para Palermo, peça para ele vir pela Avenida Córdoba.

– No aeroporto, não caia em papo de ninguém. Em Ezeiza pegue o Táxi Ezeiza, que é mais caro, mas confiável. No Aeroparque tente ligar para o rádio táxi, como já falamos no post específico.

No metrô

– Existe toda uma quadrilha de gente especializada em pequenos furtos dentro no metrô, principalmente na linha D, a verde. Segure bem as mochilas e bolsas, não tire os olhos! Cuidado extra com celulares. Desconfie se o metrô estiver vazio e a pessoa se aproximar muito. Uma vez um cara tentou abrir minha mochila, enquanto eu conversava tranquilamente. Fique de olho! Existe até um site que lista os suspeitos e coloca fotos dos delinquentes. Veja aqui.

No restaurante e em bares

– Mulherada, cuidado com as bolsas nas cadeiras. Seja a ceu aberto ou fechado, em lugar bom ou chique. Já vi casos de bolsas roubadas em praças de alimentação de shoppings e restaurantes bem bons. Não dá para bobear. Ojo!

Nas ruas

– Em Buenos Aires podemos andar tranquilamente pelas ruas na maioria dos bairros, mas não devemos dar sopa pro azar. Em Palermo, por exemplo, muita atenção cruzar a linha do trem muito tarde. Em San Telmo, a região do Parque Lezama de noite também pede mais atenção.

Simples, não é?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

23 comentários

  1. Teresa Rocha

    Fico sempre com tanta tristeza em ver que na minha cidade portenha , já a tempo, precisamos ter esses cuidados, continuar a ter esses cuidados, Sou do tempo que ia ai e nada disso era preciso.

  2. Pingback: 5 mitos sobre Buenos Aires que você talvez acredite – btrips

  3. Nilton

    Olá, Túlio.
    Como é o centro nos finais de semana em termos de segurança?
    Chegarei eum Buenos Aires num sábado e acho que, depois de fazer o check-in e o câmbio, vou estar livre para andar lá pelas 15:00/16:00.
    Para já aproveitar o primeiro dia da viagem, estou pensando em conhecer a Plaza de Mayo e ir caminhando pela Rua Florida até a Galeria Pacifico.
    É tranquilo?

    • Túlio Bragança
      Author

      Nilton, é bem tranquilo sim. Durante a semana que o centro fica cheio. Já essa área que vc comentou é muito policiada e está cheia de turistas.

      • Nilton

        O mesmo ocorre em relação a caminhar na Av. Presidente Saenz Pena e na Av. Corrientes?
        Se o cara não der bobeira, dá para ir caminhando numa boa?

  4. Thomaz

    Fui roubado em Buenos Aires por um taxista que me levou 5000,00 puxou minha carteira depois me jogou para fora do carro com ninjas malas, uma sensação de impotência horrível, anotei a placa do carro mais a polícia local não fez nada !

  5. Leonardo Oliveira

    Boa noite. Estivemos em Buenos Aires em Novembro passado. Um taxista furtou uma mala com pertences da minha filha (bebê), incluindo um iPad mini.
    Ocorre que o taxista tirou algumas fotos e estas foram enviadas para a nuvem da Apple. Tenho fotos do taxista, do taxi (com número de placa do carro). Teria possibilidade de reclamar para algum órgão competente?

  6. Leticia Macedo

    seria seguro andar da casa rosada até a estátua da Mafalda, por volta de 9 da manhã? E da casa rosada até o obelisco?

  7. Patrícia Diniz Acioli

    Túlio, estou indo para Buenos Aires em Junho com meu noivo e ele é fotógrafo. É tranquilo circular pela cidade com a máquina fotográfica? Obviamente que não pretendemos andar com a máquina nas mãos ou não ter outros cuidados básicos, mas ele está realmente preocupado com assaltos a mão armada, por exemplo. Estamos cientes dos pequenos furtos e esses realmente não nos preocupa tanto, já que basta ter um pouco mais de atenção.
    Obrigada,

    Patrícia.

    • Túlio Bragança
      Author

      Patricia, assalto a mao armada é muito dificilde ter aqui. recomendamos só bastante atencao, principalmente no centro e em San Telmo. Já na Recoleta e Palermo é bem mais tranquilo.

  8. Parabéns pelo blog! Ele é excelente, muito bem escrito, por vezes ironico (e por isso divertido de ler) e rico de detalhes relevantes. Ja fui a Buenos Aires 3 vezes, porem a ultima ha mais de 10 anos. Agora pretendo visitar a cidade com a minha esposa e tres filhos bebes (4 anos, 3 anos e 3 meses). Como anda a seguranca nesse 2016? Loucura minha fazer essa viagem com uma renca de criancas? Obrigado.

    • Túlio Bragança
      Author

      Dante, os problemas de seguranca de Buenos Aires sao ínfimos comparados a qualquer cidade grande brasileira. Só recomendo ficar atento no centro com bolsas e carteiras, pq o pessoal vai na malandragem algumas vezes. Para familia sugiro hospedar na Recoleta ou palermo

  9. Brunno

    Boa noite Túlio e parabéns pelo blog. Vou com minha namorada no início de outubro e vou ficar num hotel na Av. Pres. Roque Sáenz Peña, queria saber se lá é uma região de boa? se é segura e dá pra andar durante o dia e a noite, obviamente tomando as precauções necessárias né?

    Abraços!

  10. Fatima Miranda

    iFui à Buenos Aires no Carnaval 2017, erámos um grupo de 6 pessoas, ficamos hospedados no Hotel Facon Grande na Reconquista e fomos muito bem tratadas…
    Mas, no meu primeiro dia na Cidade, na Galeria Pacifico, abriram minha bolsa e levaram meu celular, como a capa do meu celular parecia uma carteira, penso que levaram achando que era uma carteira… Estamos tirando uma selfie, próximo a escada, com vista para o chafariz da Pacifico, dois senhores (pasmem!Dois velhos), se ofereceram para tira uma foto nossa, um pegou o celular de um amigo do grupo enquanto o outro senhor ficou olhando a vista do chafariz e não maldamos, resumindo, o que estava tirando nossa foto, nos distraiu dizendo que a foto tremeu, etc e tal… Quando dei falta do meu celular, no primeiro momento achei que perdi, mas vendo as fotos , a selfie minha bolsa estava fechada, na foto seguinte tirada pelo senhor, a bolsa estava arreganhada… Então, entendemos que não perdi o celular, o velho que estava acompanhando o gentil fotografo, era comparsa, enquanto um nos distraia tirando foto, o outro velho me roubou… Esquecemos que ladrão também envelhece !!!!
    Outro caso a relatar, são os taxista que deram o golpe da troca do dinheiro com uma nota de 100 pesos, ele alegou que demos a ele 2 pesos e não 100 pesos… Eles faziam caminhos longos e itinerários trocados, quando questionamos certa vez o caminho feito ao motorista, ele mandou a gente descer do carro dele!!!
    E por ultimo, tive uma bolsa de bijouterias furtada de dentro da minha mala… despachei minha mala no Aeroporto Galeão com uma bolsa de bijouterias , as que mais gostava e as mais caras, quando cheguei no Hotel em Buenos Aires ao abrir a mala percebi que as bijous não estavam na mala… NÃO FOI NO HOTEL, FOI NO PERCURSO ENTRE RIO DE JANEIRO X EZEIZA . A resposta da Cia Gol ao reclamar do furto em minha bagagem foi dizer que a empresa não se responsabilizam pelos pertences de valor que colocamos em nossas bagagens, e eu respondi que minhas bijous não tinham muito valor material, mesmo sendo bijous finas, mas eram minhas e tinham um valor enorme sentimental pois muitas delas eu ganhei de presente de pessoas queridas… mas mesmo não tendo valor material, isso não dá o direito de ninguém abrir a mala de ninguém e furtar, mesmo que seja uma bala, uma caneta… Ninguém tem esse direito e se eles quiserem realmente ele podem chegar até as pessoas que estão furtando.
    A viagem foi maravilhosa, me diverti muito e não deixei esses detalhes negativos atrapalharem nossa viagem…
    Só relato aqui tudo que aconteceu para que quem viaje à Buenos Aires, não deixe nenhum velhinho ou desconhecido se aproximar…. Não se esqueçam : Ladroes também envelhecem !!!!

    • Túlio Bragança
      Author

      Obrigado pelo relato, Fátima. Horrível isso. Ontem mesmo prenderam uma quadrilha aqui em Ezeiza que estava roubando malaas.

  11. Lah

    Olá Túlio
    Vou me hospedar no Dazzler Maipu durante a primeira semana de julho. A região é segura? Consigo caminhas por lá durante a noite? Ou seria melhor um Uber?

  12. Natália Souza

    Estive em BAs semana passada com minha mãe. A cidade é linda e a comida excelente… Porém tbm fomos furtadas na região de San Telmo, pasme num domingo de manhã… 3 sujeitos jogaram uma gosma suja em mim e enquanto fui me limpar um deles veio me pedir informação, nisso os outros dois empurraram minha mãe e pegaram nossas bolsas… Ficamos sem nada no meio da rua, sorte q estávamos sem nossos passaportes! Tem que ficar espertos com as pessoas!! Detalhe, eles eram peruanos ou bolivianos… Fiquem atentos! Abraços

  13. Juliana F

    Oi Túlio
    Estou procurando informações sobre Buenos Aires e encontrei seu site
    Estou para fazer um intercâmbio e gostaria de saber quais seriam as principais recomendações além das já citadas
    Obrigada!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *