Richmond, um café notável que dá adeus.

Post atualizado em

Fechou o Richmond, um dos vários cafés notáveis da Cidade de Buenos Aires.

Como a maioria dos cafés que ganham esse selo, o Richmond era povoado de história, lendas e nostalgia. Cliente que é bom estava raro.

O Café, que era um dos preferidos de Borges, estava bem na Calle Florida, centrão turístico favoritos dos brasileiros. Mas mesmo essa localização não ajudou e o café notável fechou suas portas hoje.

Por mais que os porteños cuidem muito bem de sua história, certos lugares realmente não tem jeito. O único jeito de salvar esse lugar de 1917 é que as pessoas fossem lá e consumissem, mas isso estava ficando cada vez mais raro. Resultado: vai virar uma loja da Nike.

Na reportagem do La Nación falam que outros 5 cafés notáveis estão em perigo de extinção. Aqui perto de casa mesmo tem um que acho que está bem nesse caminho. O tal do “Los Galgos” está sempre vazio e só é habitado por velhinhos.

Confira todas as nossas dicas de hotéis em Buenos Aires. São vários posts com resenhas, melhores bairros e muitas outras dicas.

Se está planejando sua viagem para Buenos Aires, não deixe de contratar um bom seguro viagem. Ninguém espera que algo aconteça, mas vai que acontece. Melhor estar prevenido, não é?!

COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM AQUI >>

E não deixe de conferir todos os passeios e ingressos que poderá comprar com antecedência. 😉


3 comentários

  1. Bernardette Amaral

    Não acreditoq ue a confeitaria Richmond vai fechar. Que pena !!! Em breve BsAs so tera cafeterias americanizadas, que não tem nada a ver com a cidade. Todas as vezes que viajo para BsAs faço o tour das confeitarias tradicionais, pelo jeito isso sera cada vez mais dificil…

  2. aa@rro.ba

    o café dos galgos tá numa região complicada, muito vagabundo morando na área, há núcleos habitacionais da máfia de Yeltsin

  3. ih, nao deu tempo de eu voltar prá conhecer esse aí. e hj também Curitiba amanheceu sem a última livraria Ghignone, que também tinha um (agradabilíssio) café…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *