vale a pena ficar em hostel

Vale a pena se hospedar em Hostel?

Na hora de decidir onde se hospedar em Buenos Aires ou qualquer outra cidade do mundo os hostels estão sempre como as opções mais baratas. Entre os leitores do Aires Buenos, um dos hostels mais populares é o Hostel Suites Florida que tem uma ótima localização e mais parece um pequeno hotel. Quem se hospeda lá na maioria das vezes curte muito.

Mas será que vale a pena? É uma hospedagem que serve para seu estilo de vida e viagem?

Mas o que é exatamente um hostel? Qual a diferença pra um hotel?

Antigamente chamado de albergue, o hostel nada mais é que uma opção barata de hospedagem. É diferente do hotel porque muitos tem quartos e também banheiros compartilhados. É uma ótima pedida para viaja sozinho ou em grupo de amigos, que acabam gastando pouco e sobrando dinheiro para outras coisas. A maioria deles serve café da manhã, geralmente numa grande mesa que acaba se tornando o ponto de encontro dos viajantes.

É preciso acabar com algumas ideias erradas que muita gente tem sobre hostels:

– Hostels não são lugares sujos (pelo menos se você escolher um guiado pelos comentários do Booking)
– Hostels não são só pra jovens. Meu pai mesmo, brasileiríssimo, se hospedou em um em Paris e curtiu muito a experiência. Era só por um dia, ele queria algo fácil de chegar e barato. Conheceu gente do mundo todo, bateu papo e pagou pouco em hospedagem. Entre europeus, de todas as idades, é muito comum a hospedagem nesse tipo de alojamento.

Mas é só quarto compartilhado? Quais tipos de quartos tem um hostel?

vale a pena se hospedar em hostel

St Christopher’s Inn em Paris, perto da Gare du Nord, onde meu pai se hospedou.

Engana-se muito quem acha que hostel só tem quarto compartilhado. Existem hostels de todo tipo, desde mais simples aos mais estilosos, com quartos compartilhados, privativos. Mas basicamente as opções são

– quarto compartilhado, dependendo do hostel podem ser separados só para homens e só mulheres.
– quartos privados para 2 ou até mais pessoas. Isso, um quarto só para um casal ou só para seu grupo de amigos, geralmente até 4 pessoas.. Nada de dividir a noite com estranhos
– quartos privados com banheiro privado. Sim, em alguns hostels existe essa opção que mais parece coisa de hotel. Você tem seu próprio banheiro!

Geralmente nos quartos compartilhados existem lockers onde você pode guardar suas coisas. Cada hostel mostra em seu site ou no Booking a lotação de cada quarto. Pode variar de 4 pessoas ou até 12. Fique ligado.

Qual outra diferença importante?

A cozinha comunitária é algo bem diferente nos hostels. A grande maioria deles tem um espaço onde você pode fazer sua própria comida se quiser. Alguns outros vendem comidas e bebidas. É muito comum que a galera se junte e no final das contas você janta algo cozinhado por um alemão ou toma um drinks diferente feito por uma sueca.

Ok, mas vale a pena se hospedar num hostel?

vale a pena ficar em hostel

Hostel Eco Pampa

Vale muito para quem quer economizar. Porém não é para todo perfil de viajantes. Você tem que saber muito bem o que quer e do que gosta. Quer conhecer gente do mundo inteiro e fazer novas amizades? Então é pra você. É do tipo que quando viaja passa o dia todo dando pernada pela cidade e só volta no fim da noite para dormir? Opa, então você vai curtir muito ficar num hostel. Recomendo muito pelo menos uma vez na vida você se hospedar num hostel. A troca de experiências com outros viajantes é sempre sensacional.

Você acha o fim da picada ter que compartilhar banheiro com desconhecidos? Não curte muita festa e quer ficar sem ninguém encher o saco? Prefere gastar um pouco mais em hospedagem e ter tranquilidade? Então é melhor não se hospedar num hostel.

Assim como hotéis eu já tive ótimas experiências e outras não tão boas assim. Tudo depende do planejamento, de ler as resenhas sobre o lugar e principalmente estar disposto a abdicar certas coisas, como um pouquinho da privacidade. Antes mesmo de morar em Buenos Aires me hospedei aqui num hostel muito bom chamado Garden House em San Telmo. Passei o natal de 2005 lá (nossa, como estou ficando velho) junto com belgas, argentinos e um galês muito louco que era fã do Rubinho Barrichelo. Juntos visitamos vários pontos da cidade, fizemos o tour do estádio do Boca e no final da viagem a galera toda foi jantar junto. Nunca me esquecerei.

Em Punta del Este por exemplo o Tas D Viaje era a melhor opção perto da praia e não tive dúvidas. Junto com a agora esposa nos hospedamos num quarto privado que era simples, mas era o que precisávamos. Localização sensacional, perto de tudo. Saímos cedo, voltávamos no fim do dia e só precisávamos de uma cama para dormir.

vale a pena ficar em hostel

Tas D Viaje, hostel pertinho da praia em Punta del Este

Mas também já fiquei num hostel horrível em Colonia, em Montevidéu tive problemas com uns gringos malas que não calavam a boca enquanto eu queria dormir, numa outra vez em Punta del Este acabei escolhendo o mais barato sem perceber que ficava longíssimo de tudo.

Mas quais são os melhores hostels de Buenos Aires?

vale a pena ficar em hostel

Créditos: Hostel Suites Florida.

Hostel Florida Suites – É o hostel mais reservado pelos nossos leitores. Está no centro, tem quartos compartilhados e também privados. Além do mais tem um bar embaixo que é bem agitado. Reserve no Booking.

Milhouse – Talvez o hostel mais famoso de Buenos Aires. Ali é festa 24 horas. Ótimo se você gosta de fazer amigos e fazer festa. Se sua vibe é mais tranquilidade, aí é melhor escolher outro. Tem quartos compartilhados, privados com banheiro também privado. Veja no Booking.

Caravan BA – Localização muito boa em Palermo numa rua calma, mas perto de todo agito. Bons preços de quartos. Mais no Booking.

EcoPampa – Na mesma calma rua do Play Hostel, o EcoPampa tem uma decoração bem legal. Os quartos não são para muitas pessoas, ótima opção para quem não curte aquela muvuca.

Garden House – Bem barato com atendimento legal em San Telmo. Foi o primeiro lugar que me hospedei em Buenos Aires, por isso rola todo um sentimentalismo!

America del Sur – Também em San Telmo, esse hostel parece quase um mini hotel, com TV no quarto e outras vantagens. Para quem quer economizar mas não perder algumas das coisas boas de um hote..

E você, recomenda ficar em hostel? Qual sua opinião.

Curtiu? Veja também recomendações de hostels em outros bairros de Buenos Aires

5 opções de albergues no Centro

5 opções de albergues em Palermo

5 opções de albergues em San Telmo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

12 comentários

  1. silvana

    já estive em Buenos Aires 2 vezes…Amo a cidade…Não ficaria em um hostel pq sempre vi muita fragilidade e tenho medo de algum psicopata estar por ali . Por isso prefiro hotel e a comodidade que oferece.

    • Túlio Bragança
      Author

      Obrigado pelo comentário, Silvana! Felizmente hoje temos opções pra todos: hotel, hostel, apartamento! O que importa é curtir a cidade do seu jeito.

    • Paulo

      Qualquer desculpa pra não ficar em Hostel é normal agora Psicopata… essa foi otimo! kkkkkkkkkkkkk

  2. Estou indo para a cidade em janeiro, vou ficar no Circus Hostel, em San Telmo. Vi indicações muito boas dele, a localização parece boa e o preço é razoável. Alguém já ficou lá pode me dar uma opinião?

    • Túlio Bragança
      Author

      Oi, Thais! Sei onde fica mas não conheço. Deixo aqui o comentário que de repente algum leitor ajuda. SUgiro ver comentários deles no Booking

    • Marcelo

      Oi Thaís, estou indo daqui à 2 dias pra BA e também vou me hospedar no Circus. Não sei qual tipo de quarto você pegou, eu reservei uma acomodação privativa para mim e minha namorada. Assim que eu voltar eu retorno aqui para dizer como foi a experiência.

  3. Tatiane

    Viajei a BsAs e fiquei num Hostel, era uma grande hostel e era quarto individual então socializei pouco, mas o dinheiro que economizei foi ótimo. Próximas viagens primeiro pesquiso os Hostels, em 2017 vou a Santiago e claro ficarei num Hostel kkkk

Curtiu? Comente aí!