Roteiro de seis dias em Buenos Aires – Dica do leitor

Olha só! Esse post é para você que está decidindo se vai novamente para o Nordeste do Brasil nas suas férias ou se vai inovar e fazer algo diferente! Essa foi a dúvida do Hirton e da Janaína e você já deve saber o final da história, pois eles estão aqui na dica do leitor com um roteiro de seis dias em Buenos Aires. Isso mesmo, eles trocaram maravilhosos dias de sol e praia (que todos amamos) por uma experiência cultural e gastronômica na fria capital portenha. Tem dúvidas de que valeu a pena?

O casal reservou tudo com antecedência e tirou várias dicas aqui do blog. Além dessas dicas preciosas, nós temos dois roteiros de viagem que são uma verdadeira mão na roda. No Guia Básico: 4 dias em Buenos Aires você encontra quatro dias de viagem fechadinhos, com programações para manhã, tarde e noite. Isso ocorre também no Guia Lado B dos pontos turísticos de Buenos Aires, porém neste com pontos turísticos diferentes dos já conhecidos pelos turistas!

Roteiro de seis dias em Buenos Aires – Dica do leitor

dica_do_leitor_2

Gostaríamos de compartilhar a experiência que tivemos nos nossos 6 dias em Buenos Aires (20/07 a 26/07). Nunca tínhamos ido a Buenos Aires e resolvemos sair daquela de sempre: o Nordeste brasileiro (apesar de que o Nordeste é realmente maravilhoso). Ao pensar em um novo destino, pensamos “Em que tipo de experiência gostaríamos de ter?” Pensamos em cultural e gastronômica, e a resposta veio fácil! Buenos Aires!

dica_do_leitor_7

Nosso roteiro foi montado totalmente pelas dicas de blogs, claro que com as dicas entramos em contato com os restaurantes, hotéis e outros através dos sites, e-mails e perfis no Facebook.

Chegamos em uma segunda-feira por volta das 15h30, nosso transfer demorou um pouco mas entramos em contato via WhatsApp e então chegou rapidamente. Fomos diretamente ao hotel no Centro da cidade. Ficamos no Loi Suites Esmeralda, achamos bem simples, baixo custo e com fácil mobilidade para onde gostaríamos de ir. No hotel aguardamos uma pessoa que fez o nosso câmbio, além disso pegamos cartão Sube, chip para celular com internet e adaptador para tomada, tudo tranquilo, conforme combinado e sem problemas com as notas.

Nesse primeiro dia à noite fomos ao Café Tortoni para assistir ao show de tango em “La Bodega”. Reservamos por e-mail, então foi só chegar até às 18h, comprar as entradas e retornar às 21h30 para o show. Simples, local pequeno mas muito legal o show e sem aquele glamour todo de tantos outros shows de tango que aproveitam e cobram muito caro. Comida e o vinho muito bons a um bom preço também.

dica_do_leitor_1

Na terça-feira fomos andar pela Rua Santa Fé para procurarmos alguns acessórios para frio, como luvas e gorros. Pegamos o subte e fomos até Villa Crespo, almoçamos no La Cabrera Express (excelente carne e tomamos cerveja Patagônia, com o preço um pouco salgado). Fomos então à famosa Calle Murillo para comprarmos jaqueta de couro. Eu comprei uma e minha esposa duas jaquetas, além de luva de couro, porém os preços estavam altos e foi difícil garimpar algo mais barato. À noite jantamos em Parrilla Peña, lugar mais portenho e com atendimento, comida e vinho excelentes a um justíssimo preço.

No quarta-feira fomos pela manhã para Recoleta, onde conhecemos o Cemitério da Recoleta, Basílica, Faculdade de Direito, Plaza Francia, Floraris Genérica e o Centro Cultural Recoleta. Almoçamos no Hard Rock Café que é sensacional! À tarde fomos a Calle Florida, lugar caro, chato e tumultuado! À noite fomos jantar em Don Julio, mas como perdemos o horário da reserva tivemos que esperar quase uma hora. Mas depois que entramos foi tudo maravilhoso, atendimento, comida, vinho, sobremesa e preço ok.

dica_do_leitor_3

Na quinta-feira fomos ao Estádio La Bombonera, experiência obrigatória para quem gosta de futebol, e fomos também ao Caminito, que é pertinho. Depois fomos fazer uma foto na estátua da Mafalda (vale a pena). Almoçamos em Puerto Madero, no Cabaña Villegas (muito bom também). Andamos porPuerto Madero e visitamos a Fragata Sarmiento (muito legal), voltamos ao hotel para descansar um pouco e à noite fomos ao Lo de Joaquín Alberdi onde tivemos uma experiência com vinho muito legal, o senhor Joaquin é uma pessoa amigável, alegre e contagiante.

dica_do_leitor_4

Na sexta-feira fomos de subte a Palermo conhecer o Zoo de Palermo, Jardim Botânico Carlos Thays, Plaza Holanda, Rosedal, Jardim JaponêsMalba. Almoçamos no Marcelo Dolce, anexo ao Malba (antes tinha o Café des Artes). Como estávamos bem próximos, fomos à loja da Barbie para comprar lembrançinhas para nossas sobrinhas, e inventamos de tentar os Outlets, mas achamos perda de tempo. À noite fizemos uma experiência em Barraco, um local extremamente intimista, com um menu de 9 passos excelente, feito na hora, na nossa frente e com adaptações caso não comêssemos algo em particular.

dica_do_leitor_5

No sábado fizemos a visita pela Casa Rosada, fomos ao Museu Casa Rosada e almoçamos em Puerto Madero, no restaurante Bahia Madero (diferente dos “recomendados” mas muito bom, com uma provoleta fantástica). À tarde passamos pelo Obelisco e Teatro Colón. À noite voltamos para Puerto Madero e jantamos em Puerto Cristal, um excelente restaurante, com bom atendimento, comida excelente e preço justo.

dica_do_leitor_6

Domingo não tivemos tempo pra mais nada pois embarcamos próximo da hora do almoço e como Ezeiza é longe tínhamos que sair cedo pra chegar com antecedência.

Algumas dicas:
– Tarjea Vos: é grátis e tem vários benefícios como desconto nas entradas do Zoo de Palermo e La Bombonera;
– Cartão Sube: é tranquilo e fácil andar de subte mas com o cartão fica mais simples ainda pois você recarrega em qualquer Kiosko ou até mesmo dentro da estação. Detalhe, o saldo pode ficar negativo em até dez pesos;
– Vinhos: compramos a maioria da Vinoteca Ligier, que tem várias filiais pela cidade e preços bem parecido com os do mercado mas com a vantagem de embalarem bem seguro para transportar no avião;
– Reservas: faça sempre que puder;
– Free Shop Ezeiza: vale a pena, então reserva um pouco de espaço e dinheiro.

dica_do_leitor_10

Acho que é isso, foi tudo maravilhoso, não tivemos nenhum tipo de problemas quanto a segurança, táxi, atendimento e dinheiro. Me coloco a disposição para passar meu contato de transfer, câmbio, cartão sube e chip para celular, é só escreverem para blegniski@hotmail.com.

dica_do_leitor_9

A viagem de vocês foi recheada de ótimos restaurantes e rendeu valiosas dicas, muito obrigada! Com certeza vocês saíram de Buenos Aires conhecendo mais restaurantes de Puerto Madero do que muitos portenhos! Agora só precisam definir se irão voltar para a capital argentina nas próximas férias ou se vão pegar um bronze! Ou conhecer o Uruguai, por que não?

Para ver outras experiências de brasileiros em Buenos Aires, vá para a sessão DICA DO LEITOR.

E se você está lendo esse post sentindo muita saudade da sua viagem para Buenos Aires, escreva para nós sobre o seu passeio que vamos amar colocar aqui no blog! Mande seu relato com algumas fotos para airesbuenosblog@gmail.com.

Para comprar ingressos, transfer e passeios, conheça a parceria Aires Buenos + Turistando Buenos Aires, um atendimento feito por brasileiros.

Confira todas as nossas dicas de hotéis em Buenos Aires. São vários posts com resenhas, melhores bairros e muitas outras dicas.

Se está planejando sua viagem para Buenos Aires, não deixe de contratar um bom seguro viagem. Ninguém espera que algo aconteça, mas vai que acontece. Melhor estar prevenido, não é?!

COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM AQUI >>

E não deixe de conferir todos os passeios e ingressos que poderá comprar com antecedência. 😉

 

1 comentário

  1. Alan César Ferreira

    olá, boa tarde! Eu e minha esposa estaremos em BA de 05/10 a 12/10. Como está a economia por ai? Queremos passars bem esses dias ai em BA, comer bem, curtir, mas sem gastar muito. R$ 4.000,00 reais seria o bastante?
    Obrigado,
    Aguardo ansiosamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *