Cemitério da Chacarita – Buenos Aires

O Cemitério da Chacarita perde para o Cemitério da Recoleta no quesito fama, mas quando comparamos o seu tamanho, ele ganha de longe com seus 95 hectares em plena Buenos Aires! Na verdade, o Cemitério da Chacarita é considerado o maior cemitério da Argentina, então se você decidir colocá-lo em seu roteiro, se prepare para andar!

São túmulos e mausoléus que contam a história de importantes personagens da cena argentina e que vale a pena conhecer. Mas já adiantamos que é bem provável que você se perca nos mais de 90 quarteirões de lá, então é bom já saber de antemão qual túmulo quer visitar e onde ele está, afinal ninguém quer passar a noite trancado em um cemitério, não é mesmo?

Cemitério da Chacarita – Buenos Aires

História
O Cemitério da Chacarita foi construído devido a uma epidemia de febre amarela que aconteceu em 1871. Com tantas mortes acontecendo na época, muitas pessoas foram enterradas em outras cidades, mas mesmo assim não havia cemitérios suficientes para tantos defuntos. Então vários cemitérios foram construídos, dentre eles o do bairro Chacarita, em 1896.

O que visitar
O túmulo mais visitado do Cemitério da Chacarita é o do tangueiro Carlos Gardel, que ficana na Rua 33 do cemitério. Sua estátua está em uma esquina e mostra o cantor vestido de terno, sorrindo e com uma mão no bolso e outra na altura do abdômem, sendo que algumas pessoas deixam um cigarro aceso nessa mão, rsrs! Além dele estão enterrados no local o ex-presidente, militar e ditador Leopoldo Fortunato Galtieri Castelli, Bernardo Houssay, ganhador do prêmio Nobel, e também o primeiro campeão de boxe da Argentina, Pascual Nicolás Perez.

Inicialmente o marido de Evita, o ex-presidente Juan Domingo Perón, também estava enterrado no Cemitério da Chacarita, mas em 2006 ele passou a habitar em um mausoléu de sua antiga casa.

Gardelão! #chacarita #gardel #tango #cementerio #igersbsas

A post shared by Tulio (@tuliobraganca) on

Bairro
O bairro Chacarita não é muito procurado por turistas, mas tem diversas atrações além do cemitério. Lá há um mercado de pulgas que vai aquecer o coração daqueles que gostam de antiguidades, a sorveteria Occo, com deliciosos sorvetes artesanais, além da pizzaria Império de la Pizza, que existe desde os anos 40. Veja nesse post 10 coisas para fazer na Chacarita.

Como chegar
O endereço da entrada principal é Guzmán 680. A estação Federico Lacroze, da linha vermelha do metrô, fica bem em frente!

O Cemitério da Chacarita abre todos os dias das 7h30 às 17h. E há visitas guiadas em espanhol todo segundo e quarto sábado do mês às 10h, com duração de uma hora.

Então, gostou desse passeio diferente? Ele é ótimo para quem quer apreciar um pouco de arte nas estátuas, apreciar os jazigos com formato de pirâmide, os túmulos que parecem pequenos templos e todo tipo de arte nas criptas, com estilos neoclássico e renascentistas!

E você, quer colocar mais esse ponto no seu roteiro? Se já visitou o Cemitério da Chacarita, coloque nos comentários o que achou!

Mais sobre o bairro Chacarita

10 Coisas para fazer na Chacarita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curtiu? Comente aí!