roteiro salar de uyuni

Roteiro Salar de Uyuni

O Salar de Uyuni é a última parte do incrível relato da Antônia Canto, que também passou por San Pedro de Atacama na sua viagem pela Bolívia e Chile. Veja o que ela fez, por onde passou, quanto gastou e ainda fique de boca aberta com as fotos sensacionais do lugar.

Leia os outros posts: Deserto de Atacama e Salar de Uyuni e Roteiro San Pedro de Atacama.

Roteiro Salar de Uyuni:

roteirosalaradeuyuni10

Duração: 4 dias / 3 noites (se você depois seguir pela Bolívia o tour dura menos um dia, pois não há a volta para San Pedro do Atacama).
Preço: cerca de R$500,00

Em janeiro e fevereiro, por causa do inverno altiplano, as empresas podem mudar a rota caso seja necessário.

Aqui é MUITO importante contratar uma agência de qualidade, para garantir um motorista/guia experiente e um veículo em boas condições.

É uma viagem bastante cansativa, mas muito bonita. São praticamente quatro dias dentro de um jipe 4×4, cruzando terrenos totalmente irregulares, repletos de pedras e sem estrada definida.

MEU ROTEIRO FICOU ASSIM:

1º dia

roteiro salar de uyuni

Saída de San Pedro de Atacama às 08:00h em um mini ônibus até a fronteira da Bolívia, para fazer a imigração. Um processo lento, com fila. Depois fomos acomodados no jipe que seguiria o resto da viagem.

As primeiras paradas são nas Lagunas Verde e Blanca, que ficam aos pés do vulcão Lincancabur. Depois passamos pelo chamado “Deserto de Salvador Dalí”, que recebeu este nome por causa da paisagem surreal.

A quarta parada é em uma piscina de águas termais com um visual muito bonito.

Então seguimos para os gêiseres Sol de Mañana, que são fontes intermitentes de vapor que jorram a alguns metros de altura numa temperatura de 90°C. Podemos ver também a lava do vulcão borbulhando por alguns buracos . Aqui o cheiro de enxofre é fortíssimo. Um lugar definitivamente estranho.

O dia termina na belíssima Laguna Colorada, que tem águas cor de rosa por causa das algas que ficam no fundo e alimentam os flamingos. Aliás, nunca vi tantos flamingos como neste lugar. Emocionante!

roteiro salar de uyuni

Aqui é possível encontrar três diferentes especies de Flamingo: andino, chileno e Jame`s.

roteiro salar de uyuni

Agora vem a pior parte da viagem. No fim da tarde chegamos em uns dormitórios que ficam bem no meio da estrada. Não há absolutamente nada para fazer aqui. Todos os passageiros do jipe são agrupados no mesmo quarto. Não há água corrente (ou seja, nada de banho) e os banheiros são tenebrosos. Não há calefação e a luz é cortada às 21h. Prepare-se para sentir frio. Recomendo levar um saco de dormir (especialmente nos meses de junho, julho, agosto e setembro), pois os cobertores disponíveis não foram suficientes para me esquentar.

2º dia

roteiro salar de uyuni

Durante o dia passamos pelo deserto Siloli, onde fica o Vale de las Rocas, que reúne diversas pedras gigantes formadas há muitos mil anos pela erosão do vento. A mais famosa delas é a “Árbol de Piedra”, linda, linda!

roteiro salar de uyuni

Então continuamos o passeio parando nas “lagoas coloridas”: Laguna Honda, Chiarcota e Canapa.

No fim do dia chegamos à vila de San Juan, onde dormimos em um hostel feito de sal.

3º dia

roteiro salar de uyuni

É hoje! O passeio geralmente começa às 8h, mas decidimos acordar de madrugada para ver o nascer do sol no Salar de Uyuni. Uma experiência emocionante, para guardar para sempre na memória. Impossível descrever as cores, texturas e a imensidão do maior deserto de sal do mundo, que pode ser visto do espaço.

Aqui é quase irresistível fazer aquelas fotografias que brincam com a perspectiva. Diversão garantida.

roteiro salar de uyuni

Depois visitamos a impressionante “Isla de Pescado”, que fica bem no meio do deserto de sal, formada por pedras calcárias, restos de corais e coberta por cactus gigantes. Uma paisagem magnífica.

Próxima parada: o Cemitério de Trens. No início do século passado a Bolívia investiu pesado na exportação de minérios. Para escoar essa produção, foi construída uma grande malha ferroviária. Mas infelizmente, na década de 40, eles pararam de funcionar devido à crise na área de mineração, ficando de lembrança somente os restos enferrujados dessas poderosas máquinas.

Às 15h começamos o retorno a San Pedro do Atacama e à noite dormimos em um hostel na aldeia Villa Mar. Outra noite puxada.

4º dia

roteiro delar de uyuni

Partimos da aldeia Villa Mar às 5h da manhã, indo direto para a fronteira da Bolívia. Chegamos lá às 09h e ficamos um bom tempo para atravessar a imigração. Depois fomos transferidos do jipe para o microonibus onde seguimos até a imigração do Chile, chegando finalmente em San Pedro às 13h. Um dia bem cansativo.

Valeu demais, Antônia, por todos esses posts hermosos sobre Salar de Uyuni e San Pedro de Atacama! Para ver mais fotos dessa e de outras viagens da Antônia, sigam o Instagram dela: antoniacanto.

Quer compartilhar com a gente um roteiro de uma viagem incrível que você fez? Mande para airesbuenosblog@gmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

13 comentários

  1. Pingback: Roteiro San Pedro de Atacama | Aires Buenos

  2. Pingback: Deserto do Atacama e Salar de Uyuni | Aires Buenos

  3. Roger

    parabéns pelo texto, sensacional, me diz uma coisa, vou em junho para o atacama e pretendo dali e pro salar, vc recomendaria alguma empresa para fazer esse transporte ?

    obrigado 😀

    • Muito obrigada, Roger! Eu sugeriria buscar no TripAdvisor quais sao as melhores agencias para esse passeio, pois sao muitos dias em estradas de terra, com pedras e buracos, então o veiculo precisa estar em boas condiçoes, o motorista tem que ser bom para evitar acidentes, além de ser também um bom guia para explicar tudo o que você vai ver no caminho. Eu fui com a Cordillera Traveller e gostei.

  4. Lais

    Antonia, os três textos estão incríveis… Estou programando a mesma viagem para maio e me ajudou muito!
    Mas fiquei com uma dúvida… O salar de talar vale a pena mesmo indo para p salar de uyuni? Não vou ter todo o tempo q vc teve pra fazer… Estou pensando em 4 dias pra uyuni e 3 ou 4 dias inteiros pra San Pedro (portanto teria que fazer uma escolha doa passeios). O que vc acha? O que é primordial?

    Desde já muito obrigada!
    Lais

    • Oi Lais, obrigada! Estou contente por saber que meu texto te ajudou a programar a viagem, pois foi uma das experiências mais lindas que tive na vida. 🙂 Então, apesar do nome, o Salar de Uyuni e Salar de Tara são passeios bem diferentes. As paisagens não se repetem. Eu faria os dois. rs Outro passeio que acho imperdivel são as Lagunas Altiplánicas (Laguna Chaxa, Lagunas Miscanti y Meñiques), principalmente pois você passa pela área de preservação dos flamingos, que é linda!

  5. Tiago Martins

    Parabéns pelo blog. Estou planejando uma viagem para San Pedro do Atacama no final do ano. Uma dúvida, no passeio do Salar Uyuni, que data você foi e quanto custou o passeio? E nas acomodações ao longo do passeio, nenhuma possuía banho???Abraços…

  6. Olá, Antonia! Adorei seu relato! Meu marido e eu iremos ao Chile em julho e pretendemos fazer o Deserto do Atacama e o Salar de Uyuni. Gostaria de algumas dicas sobre o que levar para a expedição (comida, roupas, remédios). Você poderia passar o contato da agência com a qual você fez o passeio?

  7. Carla Salles

    Oi Antonia ! Eu vou em novembro pra San Pedro e pro Salar de Uyuni e minha dúvida é se durante a travessia pro salar existem banheiros nos pontos turísticos, nas lagunas coloridas, etc, pois pra mulher essa parte é sempre mais difícil. Durante os 3 dias viajando pelo salar tem banheiros ?

  8. luiz felippe de almeida

    Olá Antônia. vou para o Atacama no começo de Agosto com um grupo de 5 pessoas para fazer um trash the dress.
    Tentei entrar em contato com a empresa via email e eles não me retornaram. Você acha que consigo fechar com alguma empresa lá mesmo de um dia para o outro? e sendo 5 pessoas cabem em apenas 1 carro ou eles saem em comboio?
    Muito obrigado pela atenção. Grande abraço

Curtiu? Comente aí!