Biblioteca Nacional da República Argentina

Buenos Aires está cheia de prédios antigos de estilo clássico, que deram o apelido da cidade de Paris da América do Sul. Porém, bem no meio da Recoleta, encontramos um prédio bizarríssimo, que destoa completamente da paisagem da cidade. É a Biblioteca Nacional da República Argentina, que mais parece uma grande nave alienígena estacionada entre prédios.

Economia => Seguro Viagem Para a Argentina (com desconto)

Biblioteca Nacional da República Argentina

recoleta

A sede atual, que fica na Calle Agüero 2502, foi projetada inicialmente nos anos 60, mas só foi inaugurada em 1992 devido aos vários mandos e desmandos do governo argentino.

É um exemplar perfeito da chamada arquitetura brutalista. Está exatamente onde era o Palacio Unzué, que foi a residência oficial de Perón durante seu governo. A ironia é que construíram uma biblioteca exatamente onde morou o presidente que disse a famosa frase “alpargatas sí, libros no”.

biblioteca nacional escalinata

A ideia principal do edifício, segundo o arquiteto Clorindo Testa, foi deixar os depósitos da biblioteca debaixo da terra, aproveitando que foi expropriada toda uma quadra para fazer uma praça pública para esse projeto. Isso protegeria os livros da luz e permitira expandir esse espaço no futuro.

Confira => Passeios em Buenos Aires

Biblioteca Nacional

Ao liberar a estrutura do prédio desse enorme peso dos livros, Testa escolheu levantar pilares para deixar a vista livre e uma plataforma de acesso permanente, como se fosse uma continuação da praça.

Na parte superior do prédio ficam mais escritórios de administração, as salas de leitura, além de vários salões onde acontecem eventos culturais. Pode parecer um pouco complicado de imaginar tudo isso lendo esse post, mas visitando a Biblioteca você percebe como tudo está super integrado.

Pesquise seu hotel em Buenos Aires aqui!

Biblioteca Nacional

Esse tal Clorindo era fã mesmo do movimento brutalista, tanto é que uma de suas outras obras em Buenos Aires é o Banco Hipotecário no centro, esquina da Reconquista com Bartolomé Mitre, um prédio que mais parece quartel general de um exército de aliens. Saca só!

banco_hipotecario

A Biblioteca Nacional de la República Argentina fica na Calle Aguero 2502, entre Avenida Las Heras e Av. Libertador. Funciona de segunda a sexta das 9h às 21h, sábados e domingos das 12h às 19h. Site: http://www.bn.gov.ar/

Biblioteca Nacional de Buenos Aires

Curtiu? Deixe sua opinião nos comentários.

Para comprar ingressos, transfer e passeios, conheça a parceria Aires Buenos + Turistando Buenos Aires, um atendimento feito por brasileiros.

Confira todas as nossas dicas de hotéis em Buenos Aires. São vários posts com resenhas, melhores bairros e muitas outras dicas.

Se está planejando sua viagem para Buenos Aires, não deixe de contratar um bom seguro viagem. Ninguém espera que algo aconteça, mas vai que acontece. Melhor estar prevenido, não é?!

COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM AQUI >>

E não deixe de conferir todos os passeios e ingressos que poderá comprar com antecedência. 😉

 

7 comentários em “Biblioteca Nacional da República Argentina”

  1. Hola yo estoy en una situación inversa a la tuya soy de Bs. As. y estoy viviendo en Brasil (Florianópolis-SC) te mando el link de una pagina que estoy haciendo en el Facebook con curiosidades del lenguage y costumbres entre ambos paises. Si podés dame una manito para publicitarlo. Gracias link – > http://www.facebook.com/hispanoluso

    Responder
  2. na casa que existia ali foi onde a Evita morreu e esta foi a razao para a demolicao, já que a “zelite” nao queriam que o lugar se tornasse um ponto de romaria peronista

    Responder
  3. Hay que aclarar que si bien el edificio fue inaugurado en 1992, el diseño corresponde a la década de los 60, ya que la construcción duró cerca de 30 años, y no por lo complejo de la misma, sino porque los distintos gobiernos siempre recortaban los fondos para terminarla.

    Responder

Deixe um comentário