Villa Crespo

Guia da Villa Crespo – Buenos Aires

Se você já ouviu falar neste bairro, é porque não é tão novato na capital. Villa Crespo está colado em Palermo, mas é bem menos pretensioso que seu vizinho, embora nos últimos anos tenha começado a atrair turistas por pelo menos três motivos: seus outlets, a variedade de bons restaurantes e a tranquilidade de caminhar por ruas menos movimentadas e mais arborizadas.

Seu nome se deve ao Dr. Antonio Crespo, prefeito de Buenos Aires nos idos de 1880, quando a região começou a ser povoada. Hoje, há cerca de cem mil pessoas morando aqui. O bairro é tão querido que existe até um site dedicado a ele, que se chama AVC: Amo Villa Crespo.

Conheça algumas de suas atrações e descubra por que este bairro é perfeito para quem busca sossego sem perder o espírito cosmopolita portenho.

Villa Crespo: o que ver, fazer, comer e curtir

Villa Crespo

O que ver:
5 coisas que você só faz em Villa Crespo

Centro Cultural Matienzo

La Internacional Argentina – Ótima livraria para quem busca literatura nacional e títulos de editoras independentes (Padilla, 865).

Calle Murilo – O endereço para comprar couro em Buenos Aires.

Outlets – a gente já comentou aqui que não tem valido a pena fazer compras em Buenos Aires como antigamente, mas nos outlets de Villa Crespo quem sabe você se dá bem. Veja aqui algumas marcas internacionais e outras argentinas.

Villa CrespoOnde ficar:
Bom bonito e barato, conheça o Pop Hotel!

Villa Crespo

O que comer:
Villa Crespo vem se consolidando como um dos melhores pólos gastronômicos de Buenos Aires, onde é possível encontrar culinárias exóticas de várias partes do mundo.

10 restaurantes em Villa Crespo

Salgado Alimentos – Andou passando pela nossa lista negra, mas a gente não é rancoroso.

Café Crespin

Malvón

Melão, gastronomia do mundo

El Buen Sabor, culinária de Camarões.

Sarkis, para provar a comida armênia (Thames, 1101)

La Crespo

Kon Kon, sanduíches à lenha

878, para tomar uns bons drinks

Lo de Chuni – O nome correto é Sabores Entrerrianos y algo más, todo mundo conhece como “Lo de Chuni”, mas a placa só diz “Parrilla al Carbón”. Pé sujo com um dos melhores bifes de chorizo da capital.

Villa CrespoComo ir e vir:
Duas avenidas principais cortam o bairro: Corrientes e Scalabrini Ortiz. Sob a primeira, passa a linha B do metrô. Pesquise no mapa interativo como ir e vir em Villa Crespo. Aliás, bicicletas também são muito bem-vindas por essas bandas.

 – Veja guias com tudo de outros bairros de Buenos Aires – 

Guia do Centro de Buenos Aires

Guia da Recoleta

Guia de Palermo

Guia de Puerto Madero

Guia de San Telmo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

12 comentários

  1. Pingback: Guia do Centro de Buenos Aires | Aires Buenos | Turismo, guias de viagem e segredos de Buenos Aires

  2. Ana Lucia

    Tulio, bom dia! Acompanho seu blog com as dicas ja a album tempo… Ja estvemos me Buenos Aires algumas as vezes e foram bem uteis ja que queremos fugir dos enroscos turisticos que ja conhecemos na 1a viagem. Iremos novamente em meados de Marco 2016 e gostariamos que vc puder nos
    dar algumas dicas das atuais condicoes de preços locais ja que houve inflacao alta e alteracao de politica economica desde Nosa ultima viagem… Alimentacao, transporte….
    Se tiver tbem alguma dicas cultural ou esportiva para o periodo, agradeço…
    Desde ja obrigada

    Ana Lucia

    • Túlio Bragança
      Author

      Oi, Ana! em breve faremos um post sobre isso. Alimentação e transporte estão baratos ainda. o reso não

  3. francisca

    ola tulio tudo bem gostaria muito da sua ajuda pois meus filho vai fazer facul em buenos aires e eu preciso de um ap mas em conta pois a consultoria arruma mas tambem tira o nosso couro agradeço sua dica bgado

    • Túlio Bragança
      Author

      Oi, Francisca!
      Infelizmente a gente nao sabe muito disso. Recomendo alugar um ap já mobiliado, é mais caro mas menos burocrático. E que seja algo perto de alguma linha de metro, assim ele se locomove fácil

  4. Pingback: Futebol e show de rock em Buenos Aires - Dica do leitor | Aires Buenos | Turismo, guias de viagem e segredos de Buenos Aires

  5. Edison Hiroyama

    Grato pelas dicas. Me hospedarei na Villa Crespo em Agosto, e vou conferir todas as dicas.

  6. Rossana

    Oi Tulio, conheci o Querido há alguns anos atrás e logo em seguida meus filhos foram morar em BsAs e não tive mais contato com a Mariana, apesar de continuar acompanhando as postagens dela.
    Ontem fui indicar um B&B para amiga e lembrei do Querido.Ocorre que não acho mais nd sobre eles!! Nem o blog da Mariana, nem o site do hotel…vc sabe o que houve? Fecharam?
    Obrigada

  7. Juliana da Silva

    Ola. Eu estou querendo fazer uma viagem a buenos aires em outubro com a minha mãe. Não falamos ingles/espanhol, mas achei q poderiamos no virar ja q iriamos ficar apenas 4 dias. Vi ate um hotel que a proprietaria é brasileira o Querido na Vila Crespo, mas fechou. Ai fui pesquisar ainda mais e li noticias sobre preconceito na Argentina, somos negras. Ai desanimei…é verdade o preconceito em buenos aires?

    • Túlio Bragança
      Author

      Oi, Juliana! Nós nunca escutamos nenhum caso de preconceito com turistas aqui na cidade. E olha que são vários anos de blog e fazendo tour, recebemos gente de todas as raças. Mas realmente a questão racial aqui na Argentina é complicada, ainda mais em Buenos Aires. O preconceito que vemos mais forte é contra bolivianos, peruanos ou paraguaios que imigram muito para a Argentina em busca de trabalho. Já brasileiros, seja ele branco, pardo ou preto, nunca escutamos nada. Sao sempre muito bem tratados.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *