5 pontos turísticos mais perdíveis de Buenos Aires

Faz tempo que quero fazer esse post exatamente porque algumas verdades precisam ser ditas! Vamos e convenhamos, alguns pontos turísticos de Buenos Aires são totalmente perdíveis. Há lugares bastante dispensáveis e que são vendidos como grande coisa!

A ideia aqui não é chinelear os lugares da cidade, mas ser sincero para os turistas como às vezes os guias não são. Para saber o que visitar na cidade com todos os detalhes de um brasileiro que mora em Buenos Aires há 10 anos, veja nossos ebooks Guia Básico de Buenos Aires em PDF e o Guia Lado B dos pontos turísticos em Buenos Aires.

Também não deixe de conhecer os nossos passeios guiados pela cidade que mostram de maneira criativa lados menos conhecidos de Buenos Aires, o Aires Buenos Tour.

5 pontos turísticos de Buenos Aires mais perdíveis

Faz alguns dias joguei uma pergunta no Facebook e no Twitter sobre as maiores roubadas de pontos turísticos de Buenos Aires e tive muitas respostas de amigos brasileiros e argentinos que vivem por aqui. Aqui vão as roubadas mais mencionadas!

1. Caminito

pontos turisticos de buenos aires
Disparado o ponto turístico de Buenos Aires  mais mencionado entre meus amigos brasileiros e argentinos que vivem na cidade, quase uma unanimidade. É complicado dizer que o Caminito é o ponto turístico mais perdível de Buenos Aires, mas alguém precisava jogar a real. Sim, existe toda a bela história do bairro de La Boca. Sim, as construções são interessantes, mas infelizmente esse lugar decepciona.

Visitá-lo aos domingos é enfrentar uma sucessão de vendedores de artesanato, Maradonas e dançarinos de tango que querem tirar uma foto com você e depois cobra fortunas por isso. Também existem várias parrillas que contam com empregados que parecem forçar você a comer.

Além disso, o Caminito em sí você vê em 5 minutos e pronto. Sério mesmo, desafio qualquer um a passar mais de 30 minutos lá e já não encher o saco. Uma novidade dos últimos anos é que uma das lojinhas mais tradicionais do lugar agora virou uma Havanna, o que prova que nesse lugar querem mais é ganhar a grana do turista!

Dica: está sempre lotados nos domingos, mas o problema é que nos outros dias está vazio demais e La Boca não é das áreas mais seguras da cidade.

2. Calle Florida

pontos turisticos de buenos aires

Sinônimo de turismo dos sem noção. Preferida dos brasileiros que não sabem nada sobre Buenos Aires, a Calle Florida é um calçadão em pleno centro portenho cheio de lojas. Considerado por muitos brazucas como um paraíso das compras, poucos sabem que nem mesmo os portenhos compram nessa rua.

Lá você encontra gente insistindo para te vender couro, casas de câmbio com péssimas cotações, lojas com preços nada camaradas, gente oferecendo entradas para prostíbulos e muitos artistas de rua. Está sempre cheia nos dias de semana, mas nos sábados e domingos é deserta. Realmente acha que é um ponto turístico de Buenos Aires cheio de glamour?

Dica: Visitá-la não é uma total perda de tempo. As duas filiais da Falabella oferecem algumas pechinchas e a Galeria Pacífico, por mais que tenha lojas caríssimas, ainda é um espetáculo de arquitetura.

3. Cafe Tortoni

cafe tortoni

Colocar o Tortoni na lista dos mais perdíveis pontos turísticos de Buenos Aires é polêmico. O lugar é lindíssimo, tem muita história e também possui um show de tango muito honesto, que já fui uma vez com minha mãe. O problema do Tortoni é exatamente sua fama.

Durante o fim de semana é muito comum ver uma fila enorme, formada basicamente por brasileiros, em frente do Café. Essa espera pode passar dos 40 minutos para simplesmente entrar e tomar um café. E quando finalmente você entra acaba se deparando com preços caríssimos, muito acima dos praticados na cidade, e um atendimento lento e ruim. Uma opção diferente é o Las Violetas! 

Dica: se você tem pouco tempo na cidade não faça do Tortoni uma prioridade.

4. Siga La Vaca

Siga La Vaca

Uma das churrascarias mais famosas entre os turistas brasileiros, a Siga La Vaca faz sucesso porque é umas poucas do estilo “all you can eat” e tem um preço que inclui tudo: carne, vinho e sobremesa. Na maioria das parrillas você tem que pagar por cada corte diferente e a brasileirada não curte. Era minha preferida na época que eu não conhecia nada de Buenos Aires. Devem fazer uns 5 anos que não vou lá.

É roubada porque está sempre lotada e de brasileiros. Para não enfrentar fila é preciso chegar bem cedo! Além do mais, para manter o preço camarada eles deixam de lado os melhores cortes de carne. Esqueça um bife de lomo ou um bife de chorizo no ponto. Achar isso lá é raridade.

Dica: A comida não é ruim, mas essa está longe de ser uma parrilla argentina clássica. Eles possuem até alguns cortes feitos para turistas. Sou muito mais um La Cabrera ou um Don Ernesto.

5. Tigre

Tigre

Por algum motivo desconhecido, passear pelo delta do rio Tigre é um famoso passeio entre brasileiros. Eu mesmo já fui com muita gente. O passeio não é dos piores, mas quando você volta pra casa fica se perguntando se valeu a pena tanto esforço para isso.

Primeiro, é longe. Para chegar lá é preciso pegar um trem direto saindo de Retiro que leva uma hora ou pegar um trem até Olivos e depois trocar para pegar o Tren de La Costa. Segundo, o famoso Tren de la costa, que já foi moderno limpo e cheiroso, está totalmente abandonado e a frequência que ele passa está bem demorada.

Dica: ir, passear e voltar leva quase um dia inteiro, que você pode aproveitar de muitas outras melhores maneiras.

Quer conhecer outros pontos turísticos totalmente fora do circuito? Veja o episódio do Aires Buenos TV sobre o assunto

E para você, qual é o ponto turístico mais perdível da cidade? Qual a maior roubada? Deixe seu comentário!

E não viaje para Buenos Aires sem o nosso super guia: várias dicas organizadas para facilitar a sua vida, além de um roteiro dia-a-dia, com mapa e como chegar aos lugares. 😉

guia de buenos aires turista profissional

Confira todas as nossas dicas de hotéis em Buenos Aires. São vários posts com resenhas, melhores bairros e muitas outras dicas.

Se está planejando sua viagem para Buenos Aires, não deixe de contratar um bom seguro viagem. Ninguém espera que algo aconteça, mas vai que acontece. Melhor estar prevenido, não é?!

COTAÇÃO DE SEGURO VIAGEM AQUI >>

E não deixe de conferir todos os passeios e ingressos que poderá comprar com antecedência. 😉

106 comentários em “5 pontos turísticos mais perdíveis de Buenos Aires”

  1. Oi, Túlio
    Estou com um dia livre e BsAs, pensando em fazer um bate a volta e ir a Tigre… até que chego nesse post e Tigre está nessa lista de lugares perdíveis kkkkkk

    Agora fiquei me perguntando, que lugar você me indicaria para um bate e volta?

    Responder
    • Amanda, eu acho q vale mais a pena visitar museus e parques em Buenos Aires. Mas o passeio de Tigre não é ruim não. É que a galera vai achando que é uma maraviiiilha e acaba se decepcionando

      Responder
  2. Parabéns Túlio pelo post, realmente são belos lugares esses que vc citou acima, mas só pra complementar eu como amante de futebol, não deixaria de visitar se fosse pra Buenos Aires, a La Bombonera, os argentinos são nossos eternos rivais, mas esse estádio é show d+

    Responder
  3. Boa noite, Tulio, estou pensando em viajar em março de 2017, estou me programando, gostaria de saber se os taxis, transf são confiáveis , e se compensa ficar em hotel ou apt alugado pra os dias que estadia, referente a moeda, passeios, baladas, compras o que você sugere, me ajuda 😀 bj

    Responder
  4. Vou passar lua e mel em Buenos Aires em agosto e passar 6 dias..quantos pesos argentinos vc acha q seria bom ter pra curtir essa viagem? Já que não sei como anda os preços por aí. .obg

    Responder

Deixe um comentário